A Terapia por Movimento Contínuo Passivo permite um movimento contínuo e repetido da articulação através de uma amplitude de movimento controlada e previamente definida.

Este equipamento é utilizado na primeira fase de reabilitação dos membros inferiores após cirurgias articulares ou traumas, permitindo AUMENTAR O MOVIMENTO limitado da articulação.

São diversas as VANTAGENS ao recorrer à Terapia por Movimento Contínuo Passivo, entre as quais:
- Início imediato do processo de recuperação
- Exercício passivo realizado de forma segura durante a fase de cicatrização e reparação tecidular
- Redução da dor pós-operatória
- Minimiza a possibilidade de desenvolver processo inflamatório
- Reabilitação mais rápida e com melhores resultados

INDICAÇÕES MAIS COMUNS:
- Procedimento de artrotomia ou astroscopia
- Reconstrução plástica de ligamentos cruzados (joelho)
- Tratamento cirúrgico de fraturas e pseudoartroses
- Substituição total de joelho ou anca (prótese)